Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/222
Tipo do documento: Tese
Título: Análise da postura craniocervical e eletromiografia dos portadores de prótese dentária com presença de desordens temporomandibular
Título(s) alternativo(s): Analysis of posture and craniocervical electromyography holders of implant dentistry with presence disorders temporomandibular
Autor: Silva, Andréia Maria 
Primeiro orientador: Kinoshita, Ângela Mitie Otta
Primeiro coorientador: Iunes, Denise Hollanda
Resumo: O objetivo do trabalho foi analisar a presença de Disfunção Temporomandibular (DTM) em indivíduos portadores de prótese dentária e comparar a postura craniocervical nas seguintes condições: sem prótese denttária, com a prótese dentária antiga, com uma nova prótese dentária e 1 mês após a colocação da nova prótese dentária e avaliar atividade eletromiográfica dos músculos trapézio - fibras descendentes e longuíssimo - feixe lombar após a substituição da prótese dentária. Estudo experimental prospectivo. 31 indivíduos portadores de prótese dentária foram analisados, de ambos os gêneros, com média de idade de 62,5±9,42 anos, apresentado a média da massa corporal 63±11 Kg e média da altura 1,6±0,09 m. Os instrumentos para avaliação foram o Critério de Diagnóstico em Pesquisa para Disfunções Temporomandibulares (RDC/TMD), a fotogrametria (postura crâniocervical) e a eletromiografia (EMG). Houve perda amostral de oito indivíduos para análise EMG e os músculos coletados foram trapézio fibras descendentes e longuíssimo feixe lombar. Para análise estatística, utilizou-se a frequência relativa para a análise do RDC/TMD; o teste Levene seguido o teste de Tukey para fotogrametria e análise multivariada de Hotteling (T2) para EMG. Resultados: Em relação à presença de DTM, 48,38% (n=15) dos indivíduos analisados foram classificados no grupo I, 22,56% (n=7) classificados como DTM mista e 29,03% (n=9) sem a presença de DTM. Para fotogrametria, não houve diferença estatística nas condições do estudo. Para eletromiografia, houve diferença estatística na comparação entre o grupo I e II, na avaliação e reavaliação. Não houve diferença estatística na comparação dentro do grupo I e dentro do grupo II. A presença de DTM em indivíduos edêntulos com uso de prótese dentária foi elevada, a postura craniocervical não modificou um mês após a inserção da prótese dentária. Os sinais da EMG dos músculos trapézio fibras descendentes e longuíssimo do tórax - feixe lombar é diferente entre os grupos sem e com DTM e que a troca de próteses não alterou o padrão de EMG em ambos grupos estudados.
Abstract: The aim of this work was to analyse the presence of Temporomandibular Disorders (TMD) in subjects with dental prosthesis and compare their craniocervical posture the following conditions: without dental prosthesis, with the old dental prosthesis, with a new dental prosthesis and one month after placement of the new dental prosthesis. Electromyographic activity changes of the trapezius - descendents fibers, longissimus the beam lumbar after replacement of dental prosthesis was also evaluated. Prospective experimental study. Thirty one subjects with dental prosthesis, both genders, with a mean age of 62.5±9.42 years, mean body mass of 63±11 kg and average height of 1.6±0. 09 m. were analyzed. The instruments were the Research Diagnostic Criteria for Temporomandibular Disorders (RDC/TMD), photogrammetry (craniocervical posture) and electromyography (EMG). There was a sample loss of eight individuals in the EMG evalubation group. EMG of trapezius descendents fibers muscles and longissimus the beam lumbar were registered. The relative frequency was used to statistical analysis of RDC/TMD results; Levene test followed by Tukey test was performed for photogrammetry analysis and multivariate Hotteling (T2) for EMG results. Results: The RDC/TDM results indicate that 48.38% (n = 15) of individuals analyzed were classified in group I, 22.56% (n = 7) classified as mixed TMD and 29.03% (n = 9) without TMD. There was no statistically significant difference in the conditions of the study in the photogrammetry results. For electromyography, statistical difference when comparing group I with group II in the assessment and reassessment. There was no statistical difference in comparison within the group I and II within the group. The presence of TMD in edentulous subjects using dental prosthesis is quite high. The craniocervical posture has not changed one month after the substitution of prosthesis. The results show that the EMG signals of the trapezius - descending fibers and longissimus thoracis - lumbar part is different between the groups with and without TMD and that the exchange of prostheses EMG pattern did not change in both groups.
Palavras-chave: POSTURA
CABEÇA
PRÓTESE DENTÁRIA
ELETROMIOGRAFIA
ARTICULAÇÃO TEMPOROMANDIBULAR
POSTURE
HEAD
DENTAL PROSTHESIS
ELECTROMYOGRAPHY
PHOTOGRAMMETRY
TEMPOROMANDIBULAR JOINT
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: IASCJ - Universidade Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Biologia Oral
Citação: SILVA, Andréia Maria. Análise da postura craniocervical e eletromiografia dos portadores de prótese dentária com presença de desordens temporomandibular. 2013. 94 f. Tese (Doutorado em Biologia Oral) - IASCJ - Universidade Sagrado Coração, Bauru, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/222
Data de defesa: 24-Jan-2013
Aparece nas coleções:Doutorado em Biologia Oral

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_silva.pdf927,99 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.