Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/24
Tipo do documento: Dissertação
Título: Perfil epidemiológico de internações em idosos no município de Dracena-SP, no período de 2002 a 2004
Título(s) alternativo(s): Epidemiological profile of hospitalization in the elderly in the town of Dracena, Sao Paulo in the period from 2002 to 2004
Autor: Martins, Luiz Gustavo Peron 
Primeiro orientador: Laurenti, Ruy
Resumo: O Brasil é um país que envelhece a passos largos, resultado de um progressivo declínio nas suas taxas de mortalidade e fecundidade. Esta alteração no padrão de mortalidade ao longo do século é conhecida como transição demográfica. As mudanças no regime demográfico brasileiro levaram a um significativo aumento de indivíduos idosos na população total. O declínio da mortalidade, associado à queda da fecundidade ao longo dos últimos anos, produziu grande mudança na distribuição etária da população, com diminuição da participação das faixas mais jovens, aumento dos adultos e uma proporção crescente de idosos, assim como a elevação considerável da esperança de vida (Veras, 2003). Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) realizada em 1998, o Brasil possuía cerca de 13.910.000 de idosos. Este contingente representou aproximadamente 8% da população brasileira. O processo de urbanização e a conseqüente modificação do mercado de trabalho aceleraram a redistribuição da população entre as zonas rural e urbana do país. A maioria dos idosos brasileiros, cerca de 80% reside no meio urbano e cerca de 20% reside no meio rural (Amaral, 2002). O envelhecimento populacional se ampliará em decorrência dos avanços nos conhecimentos da engenharia genética e da biotecnologia, alterando em um futuro próximo não apenas indicadores demográficos como a expectativa de vida, mas principalmente o próprio limite do tempo de vida, ou relógio biológico (Veras, 2003). O desafio que se apresenta é a elaboração de cenários em que os avanços da ciência e da tecnologia permitirão ao ser humano alcançar esses limites de forma independente, não fragilizado, livre de diversas doenças e com uma expectativa de vida que se aproxime do limite biológico máximo (Veras, 2003). Devido ao envelhecimento o perfil de saúde da população também sofre alteração, ou seja, temos um aumento da prevalência de doenças crônico-degenerativas frente a uma diminuição na incidência de doenças infecciosas e parasitarias. A saúde não é mais medida pela presença ou não de doenças, e sim pelo grau de preservação da capacidade funcional. Neste contexto ocorrem rápidas modificações no perfil populacional (envelhecimento) e uma crescente demanda dos idosos por serviços de saúde. Frente a crescente demanda os idosos não encontram o amparo adequado às suas necessidades dentro sistema público de saúde e previdência. As desigualdades regionais e sociais, a feminização do envelhecimento e o envelhecimento do grupo etário idoso fazem com que esta população necessite de políticas sociais destinadas a garantir as condições mínimas de bem estar e qualidade de vida. Os idosos são responsáveis pela ocupação de um maior número de leitos e por um período de tempo maior que qualquer outra faixa etária, levando com isso ao aumento nos custos de internação. O presente trabalho propõe avaliar a taxa de utilização dos leitos hospitalares e os custos do Sistema Único de Saúde (SUS) com os idosos residentes no município de Dracena SP, em um triênio 2002, 2003 e 2004. Os dados (secundários) serão obtidos através do site do Ministério da Saúde (DATASUS) e através de dados demográficos obtidos do site do IBGE.
Abstract: Brazil is a country that ages to wide steps, result of a progressive decline in your mortality rates and fecundity. This alteration in the mortality pattern along the century is known as demographic transition. The changes in the Brazilian demographic regime took to a significant increase of senior individuals in the total population. The decline of the mortality, associated to the fall of the fecundity along the last years, produced great change in the age distribution of the population, with decrease of the participation of the youngest strips, the adults' increase and a growing proportion of seniors, as well as the considerable elevation of the life hope (Veras, 2003). According to data of PNAD 1998, Brazil possessed about 13.910.000 of senior. This contingent represented 8% of the Brazilian population approximately. The urbanization process and the consequent modification of the job market accelerated the distribution of the population among the zones rural and urban of the country. Most of the Brazilian seniors, about 80% resides in the urban way and about 20% it resides in the rural way (Amaral, 2002). The population aging will be enlarged due to the progresses in the knowledge of the genetic engineering and of the biotechnology, not just altering in a close future demographic indicators as the life expectation, but mainly the own limit of the time of life, or biological clock (Veras, 2003). THE challenge that she present is the elaboration of sceneries in that the progresses of the science and of the technology they will allow to the human being to reach those limits in an independent way, non fragility, free from several diseases and with a life expectation that approaches of the maximum biological limit (you will See, 2003) .The aging the profile of health of the population also suffers alteration, in other words, we have an increase of the prevalence of diseases chronic-degenerative front to a decrease in the incidence of infectious diseases and you would sponge. The health is not more measured by the presence or not of diseases, but for the degree of preservation of the functional capacity. In this context they happen fast modifications in the population profile (aging) and a crescent dispute of the seniors for services of health. Front to crescent demands the seniors they don't find the appropriate help inside to your needs system I publish of health and precaution. The regional and social inequalities, the feminização of the aging and the aging of the senior age group do with that this age group needs social politics destined to guarantee the minimum conditions of well to be and life quality. The seniors are responsible for the occupation of a larger one I number of beds and for a period of larger time than any other age group, taking with that to the increase in the internment costs. The present work intends to evaluate the rate of use of the beds hospitalaries and the costs of the unique system of Health (SUS) with the resident seniors in the municipal district of Dracena - SP, in three years 2002, 2003 and 2004. The data (secondary) they will be obtained through the site of ministry of Health (DATASUS) and through obtained demographic data of the site of IBGE.
Palavras-chave: IDOSO
ENVELHECIMENTO
POPULAÇÃO
MORBIDADE
SENIOR
ELDERLY
POPULATION
MORBIDITY
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA
Idioma: por
País: BR
Instituição: IASCJ - Universidade Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Saúde Coletiva
Citação: MARTINS, Luiz Gustavo Peron. Epidemiological profile of hospitalization in the elderly in the town of Dracena, Sao Paulo in the period from 2002 to 2004. 2007. 94 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia - Saúde Coletiva) - IASCJ - Universidade Sagrado Coração, Bauru, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/24
Data de defesa: 27-Fev-2007
Aparece nas coleções:Mestrado em Saúde Coletiva

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
dissertacao_luiz_gustavo_peron_martins.pdf1,64 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.