Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/247
Tipo do documento: Tese
Título: Caracterização do potencial regenerativo das células-tronco derivadas de polpa dentária humana no reimplante dentário tardio com tratamento do dente incisivo de ratos Wistar
Título(s) alternativo(s): Characterization of regenerative potential of stem cells derived from human dental pulp in delayed tooth replantation with incisor treatment of Wistar rats
Autor: Bisol, Ângela 
Primeiro orientador: Payão, Spencer Luiz Marques
Resumo: O sucesso do reimplante dentário é limitado em função da reabsorção radicular que leva à perda do dente reimplantado. Os progressos nas pesquisas com células-tronco representam novas perspectivas para a regeneração dos tecidos dentários perdidos. As células-tronco são capazes de autorrenovação e diferenciação em múltiplas linhagens celulares; esse processo denominado plasticidade garante a manutenção de um estoque de células indiferenciadas com capacidade de reparo ou renovação de um novo tecido. As células-tronco estão, pois, no foco da pesquisa odontológica. A presente pesquisa tem por objetivo a avaliação da influência das células-tronco da polpa de dentes decíduos humanos exfoliados no reparo dos tecidos de sustentação do elemento dentário. As células-tronco mesenquimais obtidas da polpa de dentes decíduos humanos foram aplicadas associadas a um "scaffold" de plasma rico em plaquetas (PRP), no alvéolo dentário de ratos, no momento do reimplante dentário tardio, após sessenta minutos da extração, com realização do tratamento endodôntico e tratamento da superfície radicular como protocolo. Cinquenta e quatro ratos (Rattus norvegicus albinus, Wistar) foram submetidos ao procedimento cirúrgico de exodontia e reimplante do incisivo superior direito. Os animais foram divididos em 3 grupos experimentais. No grupo I, o grupo controle, o incisivo foi reimplantado sem qualquer tipo de substância; no grupo II, o dente foi reimplantado no alvéolo dentário com células-tronco associadas ao plasma rico em plaquetas e no grupo III - o incisivo foi reimplantado apenas com plasma rico em plaquetas no alvéolo. Os animais foram observados pelos períodos de 15, 30 e 60 dias. Os mesmos foram eutanasiados para análise realizada pelas técnicas histológica e histomorfométrica. Os resultados mostram ocorrência de reabsorção por substituição e anquilose nos três grupos estudados, com maior preservação da estrutura dentária no grupo células-tronco, porém, sem diferença estatisticamente significante entre estes (p>0,05)
Abstract: The success of tooth replantation is limited due to root resorption that leads to loss of the replanted tooth. Progress in research on stem cells represent new prospects for regeneration of lost dental tissues. Stem cells are capable of selfrenewal and differentiation into multiple cell lineages, this process called plasticity ensures the maintenance of a stock of undifferentiated cells capable of repair or renovation of new tissue. Stem cells are a focus of dental research. This research aims to evaluate the influence of stem cells from the pulp of human exfoliated deciduous teeth on the supporting tissues of the thooth. Mesenchymal stem cells from the pulp of human deciduous teeth were applied associated to a scaffold of platelet rich plasma (PRP), to the dental alveolus of rats at the time of dental reimplantation, sixty minutes after extraction, with endodontic treatment and root surface treatment as the protocol. Fifty-four rats (Rattus norvegicus albinus, Wistar) underwent a surgical procedure for extraction and reimplantation of the right upper incisor. The animals were divided into 3 experimental groups. In group I, the control group, the incisor was replanted without any substance; in group II, the tooth was reimplanted with stem cells associated with platelet-rich plasma and in group III - incisor was replanted with only platelet-rich plasma in the tooth socket. The animals were observed for periods of 15, 30 and 60 days. Animals were euthanized for analysis by histological techniques and histomorphometrical analysis. The results showed the occurrence of replacement resorption and ankylosis in the three groups, thus in the stem cells group teeth were more preserved but with no statistically significant difference between groups (p>0.05)
Palavras-chave: AVULSÃO DENTÁRIA
CÉLULAS-TRONCO
REIMPLANTE DENTÁRIO
TERAPIA CELULAR
DENTAL AVULSION
STEM CELLS
DENTAL REIMPLANTATION
CELLULAR THERAPY
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: IASCJ - Universidade Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Biologia Oral
Citação: BISOL, ângela. Characterization of regenerative potential of stem cells derived from human dental pulp in delayed tooth replantation with incisor treatment of Wistar rats. 2015. 53 f. Tese (Doutorado em Biologia Oral) - IASCJ - Universidade Sagrado Coração, Bauru, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/247
Data de defesa: 6-Mar-2015
Aparece nas coleções:Doutorado em Biologia Oral

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_angela_bisol.pdf8,66 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.