Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/262
Tipo do documento: Tese
Título: Influência do posicionamento na mufla durante cocção na translucência de cerâmica feldspática sobre subestruturas de zircônia e alumina
Título(s) alternativo(s): Influence of positioning in the oven during cooking in the translucency of feldspar ceramic substructures on zirconia and alumina
Autor: Malaguti, José Geraldo 
Primeiro orientador: Nary Filho, Hugo
Resumo: O requerimento estético, comparado a um movimento cultural que disseminou pela população, tem abrangido diversas áreas, tendo também motivado a indústria voltada ao desenvolvimento de materiais odontológicos a pesquisar produtos que melhor atendam aos anseios de profissionais/pacientes. Subestruturas em zircônia possibilitam a confecção de restaurações estéticas sobre dentes naturais ou implantes osseointegrados, destacando pela biocompatibilidade e resistência à flexão, estando esta acima de 1000 MPa. A aplicação de massas cerâmicas de recobrimento é que garante um aspecto natural, reproduzindo características normalmente encontradas em dentes naturais. Esta similaridade se deve a propriedades ópticas presentes nas cerâmicas feldspáticas, com destaque para opalescência, fluorescência e translucência, que permitem que a luz incidente seja fracionada em parte que é refletida, absorvida ou transmitida pela sua estrutura. Um fator crucial na longevidade das restaurações, é a aderência e resistência das massas cerâmicas às forças axiais e laterais que ocorrem durante função. A resistência à flexão das cerâmicas feldspáticas continua a mesma, estando entre 46,4 a 120 MPa. Além disso, zircônia apresenta baixa difusibilidade e condutibilidade térmica, e a forma com que a cerâmica feldspática adere em sua superfície não está totalmente compreendida, diferentemente do que ocorre sobre estruturas metálicas. Todos os dados acima descritos estão relacionados com a maior incidência de fraturas coesivas das cerâmicas de revestimento, relatadas sobre subestruturas de zircônia. Diversos são os artigos que descrevem alternativas de melhorar a aderência da cerâmica de recobrimento à zircônia. Dentre estas, uma forma de subestrutura que diminua o volume e dê melhor apoio à cerâmica, como também, um protocolo de aquecimento e resfriamento mais lentos durante cocção, parecem ser as foras mais efetivas. Este trabalho tem como meta avaliar a estética final da cerâmica de recobrimento sobre zircônia. O quanto o posicionamento na mufla do forno cerâmico, centro ou periferia, durante cocção da cerâmica feldspática sobre subestruturas de zircônia, influencia na luminosidade e cromaticidade, e se este fato teria relevância clínica
Abstract: The aesthetic requirement, compared to a cultural movement that spread through the population, has covered several areas and has also motivated the industry dedicated to the development of dental materials to research products that best meet the expectations of professionals / patients. Substructures in zirconia enable the fabrication of esthetic restorations on natural teeth or dental implants, highlighting the flexural strength and biocompatibility, and this above 1000 MPa. The application of the coating is ceramic bodies which ensures a natural, reproducing features normally found in natural teeth. This similarity should be present in the optical properties feldspathic ceramic, especially opalescence, fluorescence and translucency, which allow light to be incident fractional part that is reflected, transmitted or absorbed by the structure. A crucial factor in the longevity of restorations, is the adherence and resistance of ceramic bodies with axial and lateral forces that occur during function. The flexural strength of feldspathic ceramic remains the same, being between 46.4 to 120 MPa. Moreover, Zirconia has low thermal conductivity and diffusivity, and the way the feldspathic ceramic adheres to its surface is not fully understood, unlike what happens on metal structures. All above data are related to greater delamination of veneering porcelain reported on zirconia substructures. There are several articles that describe alternatives to improve the adhesion of the veneering ceramic zirconia. Among these, a form of substructure that reduces the volume and give better support to ceramics, as well as a protocol for heating and cooling during slower cooking, seem to be the most effective ways. This study aims to assess the aesthetic end. How the positioning in the muffle kiln, center or periphery during cooking on the feldspathic ceramic zirconia substructures, influences the brightness and chromaticity, and if this fact would have clinical relevance
Palavras-chave: ZIRCÔNIA
PORCELANA
COR
ZIRCONIA
PORCELAIN
COLOR
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: IASCJ - Universidade Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Implantologia
Citação: MALAGUTI, José Geraldo. Influência do posicionamento na mufla durante cocção na translucência de cerâmica feldspática sobre subestruturas de zircônia e alumina. 2013. 125 f. Tese (Doutorado em Biologia Oral - Implantologia) - IASCJ - Universidade Sagrado Coração, Bauru, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/262
Data de defesa: 28-Fev-2013
Aparece nas coleções:Doutorado em Implantologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_jose_malaguti.pdf3,47 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.