Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/286
Tipo do documento: Dissertação
Título: Estudo retrospectivo dos fatores de riscos associados à falha de mini-implantes utilizados para ancoragem ortodôntica
Título(s) alternativo(s): Retrospective study of risk factors associated with failure of mini-implants used for orthodontic anchorage
Autor: Bandeca, Adriano Garcia 
Primeiro orientador: Valarelli, Danilo Pinelli
Primeiro coorientador: Conti, Ana Claudia de Castro Ferreira
Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar a taxa de insucesso quanto a estabilidade de mini-implantes usados como ancoragem ortodôntica. Duzentos e oitenta e dois mini-implantes de quatro marcas comerciais (Morelli, SIN, Neodent e Conexão) foram avaliados em cento e vinte e sete pacientes (84 do gênero feminino e 43 do gênero masculino, com media de idade de 38,88 anos). Os pacientes foram selecionados aleatoriamente em três cursos de pós graduação e em uma clínica privada. Considerou-se insucesso quando o mini-implante apresentou mobilidade ou perda num período de até 6 meses a partir de sua instalação. As taxas de insucesso foram avaliadas de acordo com 10 variáveis clínicas (idade, gênero, comprimento do mini-implante, marca, base óssea, lado, tecido gengival proximidade com a raiz, mecânica utilizada e força utilizada). Para avaliar a influência da idade na proporção de insucesso dos mini-implantes foi realizado o teste t. As outras variáveis estudadas foram avaliadas por meio do teste qui-quadrado. Para variável tecido gengival foi aplicado Teste de Fisher unilateral. A média geral de insucesso foi de 12,76%. As variáveis comprimento do mini-implante e proximidade com a raiz mostraram diferenças estatisticamente significantes nas taxas de insucesso. Concluiu-se que a instalação de mini-implantes entre raízes apresenta uma taxa de insucesso significantemente maior do que em área edêntula e para conclusão da variável comprimento do mini-implante mais testes estatísticos seriam necessários para correlacionar com fatores que levaram a instabilidade dos mini-implantes.
Abstract: The aim of this study was to evaluate the failure rate about the stability failure of miniimplants used as orthodontic anchorage. Two hundred and eighty-two mini-implants four commercial brands (Morelli, SIN, Neodent and Conexão) were evaluated in 127 patients (84 female and 43 male, with mean age of 38.88 years). Patients were selected randomly in three graduate courses and in a private clinic. Failures were considered when the mini-implants showed mobility or loss over a period of up to 6 months from its installation. Failure rates were determined using 10 clinical variables (age, sex, mini-implant length, brand, apical base, side of placement, gingival tissue, root proximity, and type of mechanics). To assess the influence of age at the rate of failure of mini-implants t test was performed. The other variables were evaluated using the chi-square test. For variable gingival tissue unilateral Fisher Test was applied. The overall average failure was 12.76%. The variables mini-implant length and root proximity showed statistically significant differences in failure rates. It was concluded that the installation of mini-implants between roots presents a significantly higher failure rate than in edentulous area and completion of the variable length of the mini-implant more statistical tests would be needed to correlate the variables related to instability of mini-implants.
Palavras-chave: Mini-implante
Estabilidade
Tratamento Ortodôntico
Mini-implant
Stability
Orthodontic treatment
Área(s) do CNPq: ODONTOLOGIA::ORTODONTIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Ortodontia
Citação: BANDECA, Adriano Garcia. Estudo retrospectivo dos fatores de riscos associados à falha de mini-implantes utilizados para ancoragem ortodôntica. 2015. 68 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia - Ortodontia) - Universidade do Sagrado Coração, Bauru, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/286
Data de defesa: 30-Set-2015
Aparece nas coleções:Mestrado em Ortodontia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
dissertacao_adriano_bandeca.pdf759,47 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.