Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/385
Tipo do documento: Dissertação
Título: Coágulo, fibrina rica em plaqueta (PRF) ou Bio-OSS em alvéolos frescos: o que utilizar para manutenção aveolar?
Título(s) alternativo(s): Clot, platelet-rich fibrin (PRF) or Bio-OSS in fresh alveoli: what to use for aveolar maintenance?
Autor: Kasaya, Marcus Vinicius Satoru 
Primeiro orientador: Gulinelli, Jéssica Lemos
Resumo: Após a extração dentária na região anterior de maxila ocorre a reabsorção do rebordo alveolar e colapso nos tecidos moles, resultando em problemas estéticos e funcionais bem como o impedimento para a instalação de implantes osseointegráveis. Para prevenir tais limitações, é necessário no planejamento da exodontia, a inclusão de procedimentos regenerativos simultaneamente às extrações, como o preenchimento dos alvéolos com Fibrina Rica em Plaquetas (PRF). O objetivo deste estudo foi avaliar retrospectivamente as variações da área do rebordo alveolar utilizando mensurações na tomografia computadorizada após a exodontia de dentes anteriores maxilares e preenchimento alveolar com PRF, coágulo e osso bovino mineralizado. Para isso, foram utilizados nove pacientes os quais foram submetidos a extração de dentes localizados na região anterior da maxila por técnica minimamente invasiva e os alvéolos preenchidos com: coágulo sanguíneo (GRUPO COA); osso bovino mineralizado (GRUPO BIO) e Fibrina Rica em Plaquetas (GRUPO PRF). Em todos o grupos, uma membrana de colágeno absorvível foi suturada sobre os alvéolos. As tomografias foram realizadas no pré-operatório (T1) e sete meses após às exodontias e preenchimento das cavidades alveolares (T2). Para cada paciente, foram selecionados no sentido sagital 3 cortes da tomografia pré-operatória e 3 cortes da tomografia pós-operatória que correspondem ao centro, 1mm medial e 1mm distal do alvéolo. Para mensuração das alterações das áreas dos alvéolos de T1 para T2 foi utilizado o software ImageJ®. Os valores foram tabulados e submetidos à análise estatística por meio do teste ANOVA, seguido do Holm Sidak (5%). Os resultados mostraram que ocorreu diferença significativa entre grupo PRF (8,79% e +-4,05) e grupo COA (17,2% e +-1,24), e entre grupos BIO e COA (6,6% e +-1,20). Para comparação múltipla entre os grupos pareados e verificou-se que existe diferença estatisticamente significante entre os grupos PRF e COA (p=0,0067), com menor absorção óssea no grupo PRF. Entre os grupos BIO e COA também houve diferença estatisticamente significante (α=0,0022), com menor absorção alveolar no grupo BIO. Entre os grupos BIO e PRF não houve diferença estatisticamente significante (p=0,333). O uso de Fibrina Rica em Plaquetas (PRF) e Bio-Oss em alvéolos frescos provocam menor absorção óssea se comparados ao coágulo. Porém, mais estudos devem ser realizados com amostras maiores e a combinação de biomateriais para que se possa encontrar a alternativa ideal para preservação do alvéolo dentário após exodontia.
Abstract: After tooth extraction in the anterior maxilla region, alveolar ridge resorption and soft tissue collapse result in aesthetic and functional problems as well as the impediment to the installation of osseointegrated implants. In order to prevent such limitations, it is necessary in the planning of the extraction, the inclusion of regenerative procedures simultaneously to extractions, such as filling the alveoli with Platelet Rich Fibrin (PRF). The objective of this study was to retrospectively evaluate the variations of the alveolar ridge area using computerized tomography after the extraction of maxillary anterior teeth and alveolar filling with PRF, clot and mineralized bovine bone. For this, nine patients were used, which were submitted to extraction of teeth located in the anterior region of the maxilla by a minimally invasive technique and the alveoli filled with: blood clot (COA GROUP); mineralized bovine bone (BIO GROUP) and Rich Fibrin in Platelets (GRUPO PRF). In all groups, an absorbable collagen membrane was sutured over the alveoli. CT scans were performed preoperatively (T1) and seven months after exodontia and filling of the alveolar cavities (T2). For each patient, 3 sections of the preoperative tomography were selected in the sagittal direction and 3 sections of the postoperative tomography corresponding to the center, 1mm medial and 1mm distal from the alveolus were selected. The ImageJ® software was used to measure the changes in the areas of the alveoli from T1 to T2. The values were tabulated and submitted to statistical analysis using the ANOVA test, followed by Holm Sidak (5%). The results showed that there was a significant difference between PRF group (8.79% and +-4.05) and COA group (17.2% and +-1.24), and between BIO and COA groups (6.6% and + -1,20). For a multiple comparison between paired groups, it was found that there is a statistically significant difference between the PRF and COA groups (p = 0.0067), with lower bone absorption in the PRF group.Between the BIO and COA groups were also statistically significant deferred (α = 0.0022), with lower alveolar absorption in the BIO group. Between the BIO and PRF groups there were no statistically significant differentials (p = 0.333). The use of Rich Fibrin in Platelets (PRF) and Bio-Oss in fresh alveoli causes less bone absorption compared to the clot. However, more information should be carried out with larger samples and a combination of biomaterials in order to find an ideal alternative for the preservation of the dental alveolus after the extraction.
Palavras-chave: Regeneração óssea
Fatores de crescimento
Extração dentária
Alvéolo dental
Tomografia computadorizada
Bone regeneration
Growth factors
Dental extraction
Dental alveolus
Computed tomography
Área(s) do CNPq: ODONTOLOGIA::CIRURGIA BUCO-MAXILO-FACIAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Cirurgia Bucomaxilofacial
Citação: KASAYA, Marcus Vinicius Satoru. Coágulo, fibrina rica em plaqueta (PRF) ou Bio-OSS em alvéolos frescos: o que utilizar para manutenção aveolar?. 2017. 49 f. Dissertação (Mestrado em Biologia Oral - Área de Concentração: Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial) - Universidade do Sagrado Coração, Bauru, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/385
Data de defesa: 27-Jun-2017
Aparece nas coleções:Mestrado em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial (CTBMF)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Coagulo, fibrina rica em plaqueta (prf) ou bio - oss em alveolos frescos - o que utilizar para manutencao aveolar (214156).pdfDocumento principal2,13 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.