Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/51
Tipo do documento: Dissertação
Título: O gasto real com medicamentos para diabéticos e hipertensos comparado ao gasto registrado no sistema de informação hiperdia em município de pequeno porte
Título(s) alternativo(s): The real spending with drugs to compared to diabetic and hypertensive registered in spending information system Hiperdia in small town
Autor: Guilherme, Renata Silva 
Primeiro orientador: Bianco, Maria Helena Borgato Cappo
Resumo: O impacto dos gastos com medicamentos no Brasil é compatível com o observado na maioria dos países em desenvolvimento, chegando a consumir até um terço dos recursos destinados a atenção à saúde. Na perspectiva de garantir os princípios constitucionais de universalidade, equidade e integralidade das ações, o Sistema Único de Saúde utiliza instrumentos que proporcionem racionalidade na utilização de recursos, na oferta de medicamentos eficazes e seguros, bem como no seu adequado emprego. O financiamento da Assistência Farmacêutica parte das três esferas de governo, dependendo diretamente das articulações de seus devidos gestores de forma a inovar a Política Pública, voltada à necessidade de sua região, com interesse prioritário às necessidades locais sem perder os parâmetros estabelecidos pelo SUS. No município de Herculândia esse gasto é em torno de um terço. Para oferecer acesso integral aos medicamentos da atenção básica ou medicamentos essenciais, é preciso realizar a entrega de forma racional. O presente trabalho tem como objetivo relacionar o consumo de medicamentos por comprimidos e gasto financeiro por pacientes inscritos no programa de hipertensão e diabetes (hiperdia) conforme protocolo técnico, comparando com o consumo real em comprimidos e gasto financeiro ocorrido nos dispensários de medicamentos das USF. No ano de 2007 foram contabilizados 910 pessoas cadastradas no hiperdia, e os medicamentos utilizados nas Unidades de Saúde do município para tratamento da hipertensão são Captopril 25mg, Propanolol 40mg, Hidroclorotiazida 25mg (hct), Alfametildopa 250mg, e para diabetes são glibenclamida 5mg, insulina NPH e metformina 850mg. Pode-se observar que em todos os itens houve divergências do gasto ideal de acordo com o hiperdia, e ainda o gasto real apresentou variação em todos os medicamentos. Conforme o gasto de medicamentos baseado no consumo, considerando que a posologia atingiu a dose máxima em todas as prescrições, notou-se que a quantidade de todos os itens excedeu a dose máxima preconizada através de protocolos. Além do gasto excessivo com medicamentos, houve uma grande variação no consumo dos itens mês a mês.
Abstract: The impact of spending on medicines in Brazil is consistent with that seen in most developing countries, to consume up to one third of resources to health care. In view of ensuring the constitutional principles of universality, fairness and integrity of action, the Unified Health System uses tools that provide efficiency in the use of resources, the provision of safe and effective drugs, and in its proper employment. Funding for the Drug Assistance part of the three spheres of government, directly depending on the joints due to their managers in order to innovate the Public Policy, focused on the need for its region, with priority interest to local needs without losing the parameters established by the SUS. In the municipality of that expense is Herculândia around. To provide full access to the medicines of primary care or essential drugs, the delivery must be undertaken in a rational way. This work aims to relate the consumption of drugs by tablet and financial expense for patients enrolled in the program for hypertension and diabetes (Hiperdia) technical protocol as compared to actual consumption in tablets and financial expense occurred in the dispensaries of medicines from USF. In 2007 recorded 910 people were registered in Hiperdia, and medicines used in health care units in the city for treatment of hypertension are Captopril 25mg, propranolol 40mg, 25mg Hydrochlorothiazide (hct), Alfametildopa 250mg, and diabetes are glibenclamide 5mg, insulin NPH and metformin 850mg. It can be observed that in all of the expense items were differences according to the ideal Hiperdia, and the actual expenditure vary across the products. As the cost of drugs based on consumption, whereas the dose reached the maximum dose in all the requirements, it was noted that the quantity of all items exceeded the maximum dose recommended by the protocols. In addition to excessive spending with medicines, there was a wide variation in the consumption of items every month.
Palavras-chave: GESTÃO DA ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA
INVESTIMENTO FINANCEIRO EM MEDICAMENTOS
TRATAMENTO MEDICAMENTOSO PARA DIABÉTICOS E HIPERTENSOS
MANAGEMENT OF DRUG ASSISTANCE
INVESTMENT IN FINANCIAL PRODUCTS
DRUG TREATMENT FOR DIABETIC AND HYPERTENSIVE
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA
Idioma: por
País: BR
Instituição: IASCJ - Universidade Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Saúde Coletiva
Citação: GUILHERME, Renata Silva. The real spending with drugs to compared to diabetic and hypertensive registered in spending information system Hiperdia in small town. 2011. 60 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia - Saúde Coletiva) - IASCJ - Universidade Sagrado Coração, Bauru, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/51
Data de defesa: 29-Jun-2011
Aparece nas coleções:Mestrado em Saúde Coletiva

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
dissertacao_renata_silva_guilherme.pdf778,51 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.