Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/78
Tipo do documento: Dissertação
Título: Reabilitação de pacientes com implantes osseointegrados pelo sistema IOL® acompanhamento clínico de cinco anos
Título(s) alternativo(s): Rehabilitation of patients with osseointegrated implants IOL® system - clinical follow-up five years
Autor: Rabelo, Viviane de Azevedo 
Primeiro orientador: Rossetti, Paulo Henrique Orlato
Primeiro coorientador: Francischone, Carlos Eduardo
Resumo: Esta dissertação teve o objetivo de avaliar de forma longitudinal a reabilitação mandibular pelo sistema IOL® com implantes osseointegrados e prótese fixa em resina acrílica, desprovida de infra-estrutura metálica. A amostra foi composta por 12 pacientes edêntulos totais, que receberam cinco implantes na região anterior da mandíbula, entre os forames mentonianos, com comprimentos variando de 10 a 18mm e diâmetros de 3,75 e 4mm. Sobre estes implantes, imediatamente foi confeccionada uma prótese fixa empregando a prótese total convencional do paciente pré-existente e componentes protéticos específicos do sistema. Foram aplicados dois questionários de qualidade de vida (OHIP e VAS), com o intuito de avaliar a relação da reabilitação com implantes através do sistema IOL® com a qualidade de vida dos pacientes, sob o ponto de vista dos mesmos. O comportamento clínico da técnica foi avaliado através de pesquisa de eventuais alterações nos valores de ISQ dos implantes ao longo do período de acompanhamento, a fim de se verificar a repercussão deste tipo de reabilitação na estabilidade da interface osso-implante. Ainda do ponto de vista clínico, foi checada a sobrevida das próteses fixas ao longo deste período a fim de atestar sua viabilidade. Como resultados, os pacientes mostraram-se muito satisfeitos com a reabilitação recebida, com base nas respostas dos questionários. A análise de freqüência de ressonância evidenciou altos índices de estabilidade primária indicando uma condição muito favorável à osseointegração. As comparações entre os valores obtidos durante o período de acompanhamento mostrou uma redução na estabilidade dos implantes no momento da instalação (média ISQ 73,28) até o final do quarto mês (média ISQ 71,94) seguida de uma recuperação ao final de 12 meses (média ISQ 73,12) com estabilização da média durante 24 meses (média ISQ 73,08) e redução após 60 meses com a prótese em função (média ISQ 71,88). Radiograficamente verificou-se uma manutenção da altura óssea ao redor das fixações. Desta forma, pode-se concluir que, mesmo com algumas queixas, por parte de alguns pacientes, todos se mostraram satisfeitos com o tratamento oferecido. Com base nos questionários utilizados, podemos dizer que a reabilitação com implantes, nestes pacientes, lhes trouxe benefícios além da cavidade bucal, afetando positivamente a qualidade de vida dos mesmos. Os valores de análise de freqüência de ressonância apresentaram-se estáveis após 60 meses em função, sem diferenças estatisticamente significantes dos valores anteriores. Baseado nas falhas protéticas encontradas após cinco anos em função, devemos considerar o caráter provisório desta modalidade de tratamento de reabilitação protética.
Abstract: The objective of this work was to evaluate mandibular rehabilitation using the IOL system comprising an acrylic resin, fixed implant-supported prosthesis without metal framework over a 5-year follow-up period osseointegrated. The sample was composed of 12 totally edentulous patients who received five implants each in the anterior mandibular region between the mental foramina, with lengths varying between 10.0mm and 18.0mm and diameters of 3.75mm and 4.0mm. A fixed prosthesis was immediately delivered over these implants using the patient s pre-existing conventional total prosthesis and specific prosthetic components from the IOL system. Two quality of life questionnaires (OHIP and VAS) were used with the aim to evaluate the relationship between the IOL system and quality of life from the patients own point of view. The clinical behavior of fixed prosthesis was evaluated by measuring possible alterations in the ISQ values of the implants over the 5-year follow-up period to check its influence on the stability of the bone-implant interface. Biologic and mechanical complications on the IOL system were also related. y. Based on the responses provided in the questionnaires, the patients declared themselves to be very satisfied with the rehabilitations received. The resonance frequency analysis indicated a high degree of primary implant stability resulting in very favorable conditions for osseointegration. Comparisons between the values obtained during the follow-up periods indicated a reduction in the stability of the implants from the moment of installation (average ISQ value = 73.28) until the end of the fourth month (average ISQ value =71.94), followed by an increase at the end of the twelfth month (average ISQ 73.12) with a stabilization at twenty four months (average ISQ value = 73.08) and a reduction when the prosthesis had been in function for sixty months (average ISQ value = 71.88). The maintenance of bone architecture around implants was verified by panoramic radiographic examining. It is therefore possible to conclude that, despite some complaints by certain patients, all of them were satisfied with the treatment offered. Based on the questionnaires used, it may be stated that rehabilitation with implants in these patients provide them benefits beyond the oral cavity, positively affecting their quality of life. There were no statistically significant differences between the resonance frequency analysis values after sixty months in function, when compared to baseline values. Based on the prosthetic failures found after five years in function, we must consider the provisional character of thistype of prosthetic rehabilitation.
Palavras-chave: IMPLANTES OSSEOINTEGRADOS
CARGA IMEDIATA
SISTEMA IOL®
QUALIDADE DE VIDA
ANÁLISE DE FREQÜÊNCIA DE RESSONÂNCIA
COMPLICAÇÕES BIOLÓGICAS E MECÂNICAS
OSSEOINTEGRATED IMPLANTS
IMMEDIATE LOADING
IOL® SYSTEM
QUALITY OF LIFE
RESONANCE FREQUENCY ANALYSIS
BIOLOGICAL AND MECHANICAL COMPLICATIONS, IMPLANT-SUPPORTED PROSTHESIS
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: IASCJ - Universidade Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Implantologia
Citação: RABELO, Viviane de Azevedo. Rehabilitation of patients with osseointegrated implants IOL® system - clinical follow-up five years. 2008. 86 f. Dissertação (Mestrado em Biologia Oral - Implantologia) - IASCJ - Universidade Sagrado Coração, Bauru, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/78
Data de defesa: 3-Nov-2008
Aparece nas coleções:Mestrado em Implantologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
dissertacao_viviane_de_azevedo_rabelo.pdf10,47 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.