Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.unisagrado.edu.br:8443/handle/tede/452
Tipo do documento: Dissertação
Título: Avaliação 3D da densidade da sutura palatina mediana: proposta de diagnóstico
Título(s) alternativo(s): 3D evaluation of the density of the medial palatine suture: diagnostic proposal
Autor: Cognetti, Flávio Henrique 
Primeiro orientador: Capelozza Filho, Leopoldino
Primeiro coorientador: Almeida Pedrin, Renata Rodrigues de
Resumo: Introdução: O propósito deste estudo foi analisar a maturação da sutura palatina mediana (SPM), por meio da densidade óssea, utilizando parâmetros numéricos definidos por softwares e calculando mediante diferenças na tonalidade de cinza com base em tomografias computadorizadas de feixe cônico (TCFC), o potencial diagnóstico desse método em predizer a ERM. Métodos: A amostra foi composta por 196 exames de TCFC, 117 do sexo feminino e 79 do sexo masculino, com idades entre 11 e 20 anos. Um avaliador, previamente calibrado, orientou as imagens tomográficas geradas no formato DICOM e posicionadas nos planos axial, sagital e coronal. As medições da densidade foram feitas em cortes axiais da região da SPM. A densidade da região da sutura palatina mediana (dspm), do processo palatino da maxila (dppm) e da região do palato mole (dpm), foram medidas para alcançar um valor de densidade e estabelecer parâmetros de densidade individual para diagnóstico. Para comparação entre os sexos, na amostra, foi utilizado o Teste t para grupos independentes. Para verificar a correlação entre a idade e a Densidade da Sutura Palatina Mediana (DSPM) foi utilizado o Coeficiente de Correlação de Pearson. Em todos os testes foi adotado o nível de significância de 5% (p<0,05). Resultados: Os resultados mostram que os fatores idade e sexo (*diferença estatisticamente significativa p < 0,05) influenciaram a densidade, porém a idade sofreu uma influência maior (Beta = 0,167) do que o sexo (Beta = -0,153). A média de densidade na comparação entre sexo foi maior no sexo feminino (0,807) do que no masculino (0,714) e na faixa etária dos 11 aos 15 anos apresentou uma densidade menor estatisticamente significante em relação a faixa etária dos 16 aos 20 anos. Conclusões: A correlação entre idade e densidade evidenciou que quanto maior a idade, maior a densidade encontrada e o método têm parâmetros definidos para diferenciar o sexo, uma vez que os maiores valores de densidade ocorreram no sexo feminino, e os menores, no masculino.
Abstract: Introduction: This study evaluated the maturation of the midpalatal suture (MPS), by analysis of bone density, using numerical parameters defined by softwares and calculating, according to differences in shades of grey on computed tomographies (CBCT), its diagnostic potential to predict the rapid maxillary expansion (RME). Methods: The sample was composed of 196 CBCT examinations from 117 females and 79 males, aged 11 to 20 years. A previously calibrated examiner guided the tomographic images, which were generated in DICOM format and positioned in axial, sagittal and coronal planes. Density measurements were obtained on axial sections of the MPS region. The densities at the region of the midpalatal suture (dmps), maxillary palatal process (dmpp) and soft palate (dsp) were then measured to obtain a density value and establish individual parameters of density for the diagnosis. Comparison between genders was performed by the t test for independent groups. The correlation between age and density ratio at the midpalatal suture (DMPS) was calculated by the Pearson correlation coefficient. All tests were conducted at a significance level of 5% (p<0.05). All statistical procedures were performed on the software SPSS version 13. Results: The results revealed that the factors age and gender (*statistically significant difference p < 0.05) influenced the density, yet with greater influence for age (Beta = 0.167) than gender (Beta = -0.153). The mean density in the comparison between genders was greater for females (0.807) compared to males (0.714), and the age range 11 to 15 years presented statistically significantly lower density compared to the age range 16 to 20 years. Conclusions: The correlation between age and density evidenced that the older the age, the greater the density observed, and the methods have well-defined parameters to differentiate between genders, since higher density values were observed for the females and lower for the males.
Palavras-chave: Tomografia Computadorizada
Densidade Óssea
Suturas Cranianas
Expansão Maxilar
Computed tomography
Bone density
Cranial sutures
Maxillary expansion
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Ortodontia
Citação: Cognetti, Flávio Henrique. Avaliação 3D da densidade da sutura palatina mediana: proposta de diagnóstico. 2018. 93 f. Dissertação (Mestrado em Ortodontia) - Universidade do Sagrado Coração, Bauru, 2018 .
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.usc.br:8443/handle/tede/452
Data de defesa: 13-Aug-2018
Appears in Collections:Mestrado em Ortodontia



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.