Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.unisagrao.edu.br:8443/handle/tede/133
Tipo do documento: Dissertação
Título: Análise descritiva dos hábitos de amamentação e sucção não-nutritiva em crianças de 0 a 12 anos no município de uniflor
Título(s) alternativo(s): Descriptive analysis of feeding habits and non-nutritive sucking in children 0-12 years in the city of Uniflor
Autor: Melo, Patrícia Gizeli Brassalli de 
Primeiro orientador: Marta, Sara Nader
Resumo: A Odontologia tem estudado a amamentação e o desenvolvimento do sistema estomatognático, salientando a sua importância na prevenção de uma série de patologias e alterações da face e da oclusão. Vários estudos têm mostrado uma associação entre a instalação de hábitos deletérios e o desenvolvimento de maloclusões em crianças, relacionados com a falta de amamentação. O objetivo desse estudo foi verificar a existência de uma relação causal entre amamentação natural e a presença de hábitos de sucção nãonutritivos em crianças de 0 a 12 anos da cidade de Uniflor. Foram aplicados questionários a 150 mães de crianças de 0 a 12 anos residentes no município. A análise descritiva mostrou que 90,3% das crianças foram amamentadas no peito, sendo 49% por período superior a 6 meses. Entre as principais causas do desmame estavam motivos particulares da mãe (32,2%), rejeição do bebê ao leite materno (29%) e falta de leite (20,8%). 85,9% das crianças fizeram uso da mamadeira sendo 73% associada à amamentação natural. A mamadeira foi deixada por 56,8% das crianças na idade de 3 a 5 anos. A chupeta foi usada por 53,2% das crianças e a sucção digital foi evidenciada em 10,4% das crianças. O abandono da chupeta ocorreu na faixa etária menor ou igual a 3 anos (61,8%) e da sucção digital em 60% nos menores de 2 anos. O teste do qui-quadrado apontou diferença estatisticamente significativa entre as crianças amamentadas ao peito e as não amamentadas para o uso de chupeta (p=0,00000057) e para sucção digital e amamentação essa diferença não foi significativa 0,1(p= 0900912). 79,3% das mães relataram desconhecimento sobre a importância do aleitamento natural no desenvolvimento facial das crianças. Para o grau de escolaridade das mães verificou-se 40% com ensino médio e 32,7% abaixo do ensino fundamental. Concluiu-se que: os hábitos de sucção não-nutritivos estiveram presentes em uma grande parcela da amostra estudada; o uso da chupeta foi menos freqüente nas crianças amamentadas ao peito; a falta de informação das mães apontou para a necessidade de implantação e implementação de programas específicos, com ações preventivas e educativas para toda à comunidade, de modo à garantir a promoção e prevenção em saúde.
Abstract: Odontology has studied the breast-feeding and the development of the stomatognathic system, emphasizing its importance in the prevention of a great deal of pathologies and alterations of the face and the occlusion. Several studies have shown an association between the installation of deleterious habits and the development of bad occlusions in children, related to the lack of breast-feeding. The objective of this study was to verify the existence of a causal relation between natural feeding and the presence of non-nutritious suction habits in children from 0 to 12 years old in the city of Uniflor. Questionnaires were applied to 150 mothers of children from 0 to 12 years old residents in the county. The descriptive analysis showed that 90,3% of the children were breastfed, being 49% for a period longer than 6 months. Among the main causes of weaning were the mother s personal reasons (32,2%), the baby s rejection to the mother s milk (29%) and the lack of milk (20,8%).85,9% of the children made use of the baby bottle being 73% associated to the natural feeding. The baby bottle was left by 56,8% of the children at the age of 3 to 5 years old. The pacifier was used by 53,2% of the children and the digital suction was evidenced in 10,4% of the children. The abandon of the pacifier occurred at the age group of 3 or less years old (61,8%) and the digital suction in 60% in children younger than 2 years old. The Chi-square test pointed out difference statistically significant between breastfed and non-breastfed children to the use of pacifier (p=0,00000057) and to the digital suction and breast-feeding this difference was not significant 0,1(p=900912). 79,3% of the mothers reported unawareness about the importance of the natural suckling in the facial development of children. To the level of education of the mothers it was verified 40% with high school and 32,7% under elementary school. It s concluded that: the non-nutritious suction habits were present in a great part of the studied sample; the use of pacifier was less frequent in breastfed children; the lack of information of the mothers pointed out to the need of implantation and implementation of specific programs, with preventive and educative actions for all the community, in order to guarantee the promotion and prevention in health.
Palavras-chave: HÁBITOS DELETÉRIOS
AMAMENTAÇÃO NATURAL
HÁBITOS DE SUCÇÃO NUTRITIVOS E NÃO-NUTRITIVOS
DELETERIOUS HABITS
BREASTFEEDING
NUTRITIOUS AND NON-NUTRITIOUS HABITS
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: IASCJ - Universidade Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Biologia Oral
Citação: MELO, Patrícia Gizeli Brassalli de. Descriptive analysis of feeding habits and non-nutritive sucking in children 0-12 years in the city of Uniflor. 2010. 57 f. Dissertação (Mestrado em Biologia Oral) - IASCJ - Universidade Sagrado Coração, Bauru, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/133
Data de defesa: 16-Dec-2010
Appears in Collections:Mestrado em Biologia Oral



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.