Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.usc.br:8443/handle/tede/310
Tipo do documento: Dissertação
Título: Avaliação subjetiva do perfil facial em pacientes tratados com aparelho de protração mandibular: perspectiva de ortodontistas e leigos
Título(s) alternativo(s): Subjective evaluation of the facial profile in patients treated with mandibular protraction machine: orthodontists perspective and lay
Autor: Paula, Eliana de Cássia Molina de 
Primeiro orientador: Pedrin, Renata Rodrigues de Almeida
Primeiro coorientador: Conti, Ana Cláudia de Castro Ferreira
Resumo: Este estudo retrospectivo teve como objetivo avaliar os efeitos estéticos produzidos pelo Aparelho de Protração Mandibular (APM) em conjunto com aparelho fixo em pacientes com má oclusão de Classe II, 1ª divisão. A amostra foi composta por 54 telerradiografias em norma lateral (27 iniciais e 27 finais) de 27 pacientes, sendo 14 do gênero feminino e 13 do gênero masculino, com média de idade inicial de 12,27 anos tratados por um período médio de 2,9 anos. Após a obtenção das telerradiografias, foram preparados os cefalogramas e os álbuns contendo as silhuetas dos perfis dos 27 pacientes (pré e pós-tratamento), de forma aleatória. A seguir, 60 ortodontistas e 60 leigos escolheram o perfil facial mais estético (A ou B), e a quantidade de alteração que eles percebiam, de acordo com a escala visual analógica (EVA). Para comparação entre os dois grupos de avaliadores, foi utilizado o teste t pareado e adotado nível de significância de 5% (p˂0,05). De acordo com os resultados, foram observadas diferenças estatisticamente significantes na comparação entre as preferências dos perfis pré e pós-tratamento, para os dois grupos e em ambos a maioria dos avaliadores preferiram o perfil pós-tratamento. Para quantificar a percepção dos avaliadores em relação às diferenças entre os perfis faciais A e B, os resultados da EVA mostraram que o grupo de avaliadores leigos identificou maior diferença entre os perfis pré e pós-tratamento comparado ao grupo de ortodontistas (p˂0,001*). Conclui-se que, no julgamento dos avaliadores (ortodontistas e leigos), o tratamento com o Aparelho de Protração Mandibular promoveu um efeito positivo no perfil facial, sendo que esse efeito foi mais identificado pelos leigos
Abstract: The aim of this retrospective study was to evaluate effects of mandibular protraction appliance (M P A) associated with fixed appliances in the facial profile of Class II, division 1 malocclusion subjects. Sample comprised 54 (27 pretreatment and 27 posttreatment) lateral cephalograms of 27 (14 females and 13 males) subjects with a mean age of 12.27 years, during an average period of 2.9 years. From the lateral cephalograms of the 27 subjects (pretreatment and posttreatment) a black silhouette of each patient´s profile was randomly created. Then, 60 orthodontists and 60 laypersons selected the most aesthetic facial profile (A or B), and the amount of profile changes observed in the pretreatment and posttreatment silhouettes, according to a visual analog scale (VAS). Paired t tests were applied to perform the intergroup comparison (p ≤0.05). Accordind to the results obtained, when comparing pretreatment and posttreatment profiles, both groups presented with statistical significant difference, and the majority of the evaluators preferred the posttreatment profile. Regarding the perception of evaluators in the amount of similarities or differences between pretreatment and posttreatment facial profiles, results of the VAS showed that the laypersons group evaluators identified a largest difference between pretreatment and posttreatment facial profiles than orthodontists´group (p 0.001*). It can be concluded that, in the judgment of the evaluators (orthodontists and lay people), treatment with mandibular protraction appliance promoted a positive effect on soft tissue profile and lay people identified this effect in a greater extent
Palavras-chave: Má oclusão de Angle Classe II
Aparelhos ortopédicos
Ortodontia corretiva
Percepção
Angle´s class II malocclusion
Orthopedic appliances
Corrective orthodontics
Perception
Área(s) do CNPq: ODONTOLOGIA::ORTODONTIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Ortodontia
Citação: Paula, Eliana de Cássia Molina de. Avaliação subjetiva do perfil facial em pacientes tratados com aparelho de protração mandibular: perspectiva de ortodontistas e leigos. 2016. 112 f. Dissertação( Mestrado em Ortodontia) - Universidade do Sagrado Coração, Bauru, SP, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.usc.br:8080/jspui/handle/tede/310
Data de defesa: 16-Feb-2016
Appears in Collections:Mestrado em Ortodontia



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.