Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.unisagrao.edu.br:8443/handle/tede/441
Tipo do documento: Dissertação
Título: Áreas prioritárias para conservação do cerrado paulista: uma análise da flora e fauna ameaçada
Título(s) alternativo(s): Priority areas for conservation of the cerrado of São Paulo: an analysis of threatened flora and fauna
Autor: Mendonça, Rodrigo Antonio de Agostinho 
Primeiro orientador: Costa, Carla Gheler
Resumo: O Cerrado é um dos maiores biomas Brasileiros e uma das savanas mais ricas e ameaçadas do mundo, e no estado de São Paulo cobria originalmente cerca de 14 % do território estadual. Uma avaliação histórica mostra que de 1962 a 2001 foram perdidos 88,5% do Cerrado paulista, correspondendo a cerca de 1.625.229 hectares de cerrado. As unidades de conservação detêm apenas 0,51% do cerrado original do estado, portanto definir áreas prioritárias para conservação é uma estratégia relevante e urgente para manutenção da biodiversidade deste bioma no estado. Neste sentido foi realizado um diagnóstico das espécies ameaçadas do Cerrado paulista usando como unidade amostral os municípios, identificando lacunas, fitofisionomias e fragmentos não protegidos ou negligenciados pela pesquisa ou ações conservacionistas. A presença e/ou ausência de espécies raras e/ou ameaçadas foi utilizada como uma das variáveis para classificação das áreas e estabelecimento de estratégias conservacionistas a serem adotadas. Para obtenção dos dados foram realizados levantamentos bibliográficos sobre todo conhecimento gerado sobre o Cerrado paulista, assim como analisados todos os planos de manejo das unidades de conservação existentes. Existem 267 municípios no domínio do Cerrado paulista, no entanto durante o estudo foram encontrados 299 municípios que contem manchas de Cerrado, totalizando 217.513 hectares de vegetação nativa. Trinta espécies de mamíferos, 97 espécies de aves, 18 de répteis, sete de anfíbios e 528 espécies de plantas fanerogâmicas foram utilizadas como espécies-alvo, sendo todas classificadas com algum grau de ameaça. A partir desta lista de espécies foram selecionados os municípios que possuem maior número de registros para cada grupo e com maior quantidade de vegetação nativa, chegando a 30 municípios indicativos de serem prioritários para conservação. Recomenda-se portanto, urgência ao poder público na definição de estratégias de conservação para estes fragmentos.
Abstract: Cerrado is one of the largest Brazilian biomes and one of the richest and most endangered savannas in the world. In the state of São Paulo, it originally covered about 14% of the territory. A historical evaluation shows that from 1962 to 2001 88.5% of paulista Cerrado were lost. This percentage corresponds to 1,625,229 hectares of Cerrado. The conservation units hold only 0.51% of the State's original Cerrado, therefore defining priority areas for conservation is a relevant and urgent strategy to maintain the biodiversity of this biome in the state. In this sense, an evaluation of endangered species of the Cerrado paulista was carried out using the municipalities as sampling unit, identifying gaps, phytophysiognomies and fragments not protected or neglected by research or conservation actions. The presence and / or absence of rare and / or endangered species was used as one of the variables for classification of areas and establishment of the conservation strategies to be adopted. To obtain the data: 1) a bibliographic survey was carried out on all knowledge generated on the cerrado of São Paulo; 2) all management plans were analyzed. There are 267 municipalities in the paulista Cerrado domain, however, during the study, 217,513 hectares of Cerrado were found distributed in 299 municipalities. Thirty species of mammals, 97 species of birds, 18 species of reptiles, seven species of amphibians and 528 species of phanerogamic plants were used as target species. From the list of 299 municipalities which have Cerrado, the ones which presented the highest number of records for each group and the highest amount of native vegetation were selected to become priority for conservation. The number of municipalities selected accounts to 30. It is recommended that the public authorities urgently define conservation strategies for these fragments.
Palavras-chave: Cerrado
Conservação
Espécies-alvo
Áreas prioritárias
Biodiversidade
Cerrado
Conservation
Target species
Priority areas
Biodiversity
Área(s) do CNPq: CIENCIAS EXATAS E DA TERRA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Ciência e Tecnologia Ambiental
Citação: Mendonça, Rodrigo Antonio de Agostinho. Áreas prioritárias para conservação do cerrado paulista: uma análise da flora e fauna ameaçada. 2018. 165 f. Dissertação (Mestrado em Ciência e Tecnologia Ambiental) - Universidade do Sagrado Coração, Bauru, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.usc.br:8443/handle/tede/441
Data de defesa: 8-Mar-2018
Appears in Collections:Mestrado em Ciência e Tecnologia Ambiental



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.