Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.unisagrao.edu.br:8443/handle/tede/451
Tipo do documento: Dissertação
Título: Indice de satisfação profissional entre enfermeiros do serviço de atendimento movel de urgência – SAMU no município de Bauru e Regionais
Título(s) alternativo(s): Index of professional satisfaction among nurses of the mobile emergency care service - SAMU in the city of Bauru and Regional
Autor: Lopes, Roberto de Campos 
Primeiro orientador: Virmond, Marcos da Cunha Lopes
Resumo: O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), foi idealizado na França, em 1986. No Brasil o primeiro SAMU implantado foi na cidade de Campinas, através do médico coordenador José Roberto Hansen, inaugurado oficialmente em junho de 1996, pelo então prefeito José Roberto Magalhães Teixeira. Porém, somente em 2002, o Ministério da Saúde investe recursos para capacitação de profissionais deste serviço, foram capacitados 460 profissionais médicos e de Enfermagem no país, para o atendimento de urgência e emergência. No final do mesmo ano, houve a publicação da portaria 2.048, que cria o Regulamento Técnico para os Sistemas Estaduais de Urgência e Emergência, fortalecendo os conceitos que vigoravam no SAMU de Campinas.O enfermeiro é um profissional de nível superior titular do diploma de enfermeiro, devidamente registrado no conselho regional de enfermagem da sua jurisdição,com habilidades para as ações de enfermagem no atendimento pré-hospitalar móvel. Assim, verifica-se a importância desta categoria profissional dentre essa relevante política pública de saúde. Neste sentido, o conhecimento sobre sua satisfação profissional se reveste de interesse, uma vez que este componente é também importante para que o próprio sistema de atenção de urgência e emergência possa atuar de forma efetiva. Propõe-se, portanto, Identificar e contextualizar o índice de satisfação profissional (ISP) desta categoria como forma de subsidiar os gestores em saúde, os idealizadores de políticas públicas e os legisladores para que, com essas informações e considerações, possam melhor entender o papel, as dificuldades e as necessidades dessa categoria, com vistas ao aperfeiçoamento dessa singular contribuição ao cuidado da saúde do cidadão brasileiro que é o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU. Os dados foram analisados por estatística descritiva, incluindo frequências absolutas e relativas, médias e desvios padrão. Utilizou-se uma escala de atitudes constituída por 44 assertivas estruturadas por uma escala tipo Likert e escala do Indice de Satisfação profissional (ISP) parte A e parte B. Como resultados, na parte A, a Autonomia , Requisitos de trabalho e interação, foram os mais valorados pelos participantes. Na parte B, no Status Profissional ,apresentou pouca importancia, porém, satisfeitos com o mesmo componente. Quanto a remuneração obteve -se baixa satisfação onde, a renda mensal de 85% dos participantes se encontra entre 3 e mais de 5 salários mínimos . O resultado do ISP do grupo estudado apresentou um valor de 10,30, com variação entre 7,37 e 13,11. Este resultado permite concluir que a satisfação profissional do grupo estudado é baixa.
Abstract: Mobile Medical Emergency Service (SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) was conceived in France in 1986. In Brazil, the first SAMU was deployed in the city of Campinas, through the coordinating physician José Roberto Hansen and officially inaugurated in June 1996 by the mayor José Roberto Magalhães Teixeira. However, only in 2002, the Ministry of Health invested resources to train professionals to this service, so 460 medical and nursing professionals were trained in the country for urgent and emergency care. At the end of the same year, the ordinance number 2.048 was published, which establishes the Technical Regulation for State Emergency and Emergency Systems, strengthening the concepts that were in force at SAMU in Campinas. SAMU´s nurse is a professional with, at least, bachelor science in nursing, duly registered at a regional nursing council of its jurisdiction and with skills for nursing actions in mobile prehospital care. So, it is verified the importance of this professional category among this relevant public health policies. In this way, the knowledge about these professional´s satisfaction is issue of interest, since this component is also important so that urgency and emergency care system itself can act effectively. It is proposed, therefore, to identify and contextualize the index of job satisfaction (ISP - Índice de Satisfação Profissional) of this category as a way of subsidizing health managers, policymakers and legislators so that, with this information and considerations, they can better understand the role, difficulties and needs of this category, with a view to improving this unique contribution to the health care of brazilian citizen, which is the Mobile Medical Emergency Service - SAMU. Data were analyzed by descriptive statistics, including absolute and relative frequencies, means and standard deviations. An attitudinal scale consisted of 44 assertions structured by a Likert-type scale and a scale of the Professional Satisfaction Index (ISP) part A and part B. As results, in Part A, Autonomy, Work requirements and Interaction were the most valued by the participants. In part B, in the Professional Status, presented little importance, however, satisfied with the same component. As for the Remuneration, there was low satisfaction, where the monthly income of 85% of the participants is between 3 and more than 5 minimum brazilian salaries. The group studied´s ISP result presented a value of 10.30, with variation between 7.37 and 13.11. This result allows to conclude that the group studied´s professional satisfaction is low.
Palavras-chave: Satisfação Profisional
Enfermeiro
Emergência
Urgência
Professional Satisfaction
Nurse
Emergency
Urgency
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Sagrado Coração
Sigla da instituição: USC
Departamento: Ciências da Saúde e Biológicas
Programa: Saúde Coletiva
Citação: Lopes, Roberto de Campos. Indice de satisfação profissional entre enfermeiros do serviço de atendimento movel de urgência – SAMU no município de Bauru e Regionais. 2018. 75 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Universidade do Sagrado Coração, Bauru, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.usc.br:8443/handle/tede/451
Data de defesa: 30-Oct-2018
Appears in Collections:Mestrado em Saúde Coletiva



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.